De volta ao time titular, Leo Valencia acumula participação direta em 1/3 dos gols na temporada

 De volta ao time titular, Leo Valencia acumula participação direta em 1/3 dos gols na temporada, veja
Após deixar chileno no banco nos últimos dois jogos, Zé Ricardo indica retorno do meia contra o América-MG domingo. Jogador vira esperança para acabar com a má fase ofensiva do Alvinegro

Titular em 38 dos 46 jogos do Botafogo em 2018, Leo Valencia ficou no banco de reservas nas últimas duas partidas: no empate por 1 a 1 com o Cruzeiro e na derrota por 1 a 0 para o Fluminense. Na formação adotada com três volantes, o meia chileno perdeu a posição e sequer foi utilizado no decorrer dos 90 minutos, mesmo com o Alvinegro precisando de gols. Mas, ao que tudo indica, ele vai voltar ao time.

O treino desta quinta-feira será fechado para a imprensa, mas na atividade de quarta o técnico Zé Ricardo indicou duas mudanças na equipe para enfrentar o América-MG neste domingo, às 11h (de Brasília), no Nilton Santos, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro: as entradas de Luis Ricardo no lugar de Marcinho na lateral direita, e de Valencia na vaga de Gustavo Bochecha no meio campo.

No Botafogo há pouco mais de um ano, o baixinho chileno soma ao todo 55 jogos e quatro gols com a camisa alvinegra. Ele nunca foi unanimidade entre os torcedores, alterna atuações muito boas e outras muito abaixo tecnicamente, mas tem números positivos. Nesta temporada, por exemplo, é disparado o maior garçom do time com nove assistências para gol.

E os números mostram que Leo Valencia pode ser a solução caseira para acabar com a baixa produção ofensiva do Botafogo, que vem encontrando dificuldade em balançar as redes. O GloboEsporte.com fez um levantamento que revela: o chileno acumula participação direta em 17 dos 48 gols alvinegros no ano (35,4%). Isto é, a cada três gols, um passa pelos seus pés.

FONTE: GLOBO.COM